18 de abril de 2011

Arroz de Tintureira

A minha mãe cozinha poucas vezes mas cozinha muito bem. E uma das características dela é conhecer todos os tipos de peixe e mais algum.
Mãe - "Vou ensinar-te a fazer arroz de tintureira. Gostas de tintureira?"
Eu - "Tintu... quê?" - já a imaginar um arroz escuro como aquele que leva tinta de choco.
Parece então que tintureira é um peixe semelhante ao cação, grande, que se utiliza principalmente em postas. E vende-se congelado no Pingo Doce, que é a minha parte favorita :)

Arroz de Tintureira
(4/6 pax)

  • 3 postas tintureira congelada
  • 1,5 chávena arroz vaporizado
  • 2 tomates maduros
  • 1 cebola branca grande
  • 3 dentes alho grandes
  • coentros frescos
  • 2 piri-piris sem sementes
  • azeite
  • flor de sal
Deixar as postas a descongelar no frigorífico de véspera.
Numa panela larga, refogar num pouco de azeite a cebola e o alho picados.
Adicionar o tomate picado, o piri-piri e parte dos coentros picados (picar os talos todos mas guardar algumas folhas para colocar apenas antes de servir). Tapar e cozinhar em lume brando durante pelo menos 15 min.
Entretanto retirar os ossos e a pele do peixe e cortá-lo em pedaços médios.
Colocar o peixe e os ossos por cima do refogado. Temperar com sal. Tapar o tacho e cozinhar cerca de 15 min.
Colocar água a ferver.
Quando estiver cozinhado, retirar o peixe e reservá-lo. Descartar os ossos.
Colocar o arroz na panela juntamente com 4 chávenas de água a ferver (para que fique malandro). Tapar o tacho deixando apenas uma fresta e deixar cozer o arroz durante 12 min.
Servir com os restantes coentros picados por cima.

Bom apetite! :)

Sem comentários: