30 de outubro de 2010

Arroz de Lulas

Esta é mais uma daquelas receitas boas, rápidas e ideais para fazer durante a semana de trabalho. Baseei-me na receita deste fórum e adaptei com o que cá tinha.
Fiz com arroz vaporizado mas acho que ficaria melhor com arroz Carolino pois absorve melhor os sabores do molho. E o piri-piri, já se sabe, não podia faltar ;)

Arroz de Lulas

  • 400 gr lulas congeladas
  • 1 cenoura pequena
  • 2 tomates bem maduros
  • 2 c. sopa polpa tomate 
  • 75 gr vinho branco
  • 50 gr azeite
  • 1/2 cebola grande
  • 3 dentes alho
  • 1 folha louro (sem o veio)
  • 1 piri-piri
  • 2 c. sopa molho ostra
  • 250 gr arroz vaporizado (marca Pato Real)
  • 400 gr água
  • flor de sal e pimenta preta q.b.
  • 1 c. sopa coentros picados congelados
Colocar a cebola, o alho, o tomate, a polpa e o azeite no copo da Bimby e picar 6 seg., vel 5. Adicionar a cenoura às rodelas e o louro e refogar 7 min, temp. 100º, vel. colher inversa.
Juntar as lulas cortadas em rodelas, o piri-piri, o vinho branco, temperar com sal e pimenta e deixar cozinhar 30 min, temp. 100º, vel. colher inversa.
Acrescentar a água, o arroz e o molho de ostra e cozinhar mais 15 min, temp. 100º, vel. colher inversa.
Um pouco antes de acabar o tempo juntar os coentros e servir imediatamente para ficar malandrinho.

Bom apetite! :)

    22 de outubro de 2010

    Crepes

    Esta é a minha receita favorita de fim-de-semana e sabe mesmo bem naqueles dias de preguiça. E deixar toda a gente a salivar à espera do próximo crepe tem sempre a sua piada ;)
    Para quem não gosta de estar agarrado ao fogão enquanto os outro se lambuzam sugiro que vão fazendo os crepes em 2 frigideiras e os vão colocando num prato uns por cima dos outros. Desta forma mantêm-se quentinhos e podem desfrutar dos crepes com o resto da malta.
    Para pôr nos crepes sugiro açúcar, canela, mel, compotas de qualquer tipo ou também o meu favorito, nutella :) E como esta receita não é muito doce também ficam bem com qualquer acompanhamento salgado como queijo, fiambre, cogumelos, etc. Assim até dão uma bela refeição em família em que cada um pode pôr o que mais gostar. Aliás, já comi várias vezes com amigos noruegueses crepes com açúcar (ou compota) e bacon frito. Sim, bacon frito! E podem tirar esse olhar de nojo que ficaram bem bons ;) Um dia faço e ponho aqui uma foto.

    Crepes


    • 3 ovos
    • 100 gr farinha
    • 1,5 c sopa açúcar
    • 125 ml leite
    • 50 gr manteiga
    Bater bem todos os ingredientes excepto a manteiga e deixar repousar 30 min. Adicionar a manteiga derretida e fazer os crepes um a um numa frigideira que não agarre.

    Dicas:
    - Os crepes também ficam bons sem esperar os 30 min.
    - Se os crepes estiverem a agarrar untar a frigideira com um pouco de manteiga ou óleo antes de cada crepe.
    - As frigideiras com borda baixa são melhores para conseguir virar os crepes "à cromo"

    16 de outubro de 2010

    Hummus de Sardinha e Grão

    Esta foi mais uma receita que procurei para levar para uma festa. Tirei-a do blog "Lucullian Delights", que é um dos poucos que leio assiduamente pois tem sempre receitas apetitosas e fotos lindas.
    Apesar de ter gostado da receita, acho que lhe faltou qualquer coisa. Houve quem achasse que sabia demasiado a sardinha mas eu achei que lhe faltava sabor. Talvez precisasse de sal, não sei... Sugiro que experimentem e digam de vossa justiça ;)

    Hummus de Sardinha e Grão

    • 150 gr sardinha em lata (usei 2 latas da marca Continente, uma delas com piri-piri)
    • 150 gr grão cozido
    • 4 c. sopa sementes de sésamo
    • 1 c. sopa salsa picada
    • sumo de 1 limão pequeno
    • piri-piri a gosto (usei apenas um pouco do molho das sardinhas picantes mas acho que teria ficado melhor com um pouco mais de piri-piri ou tabasco)
    • sal (devo ter-me esquecido desta parte)
    • 2 ou 3 c. sopa azeite
    Com cuidado, retirar as escamas e espinhas dos filetes de sardinha.
    Triturar os filetes juntamente com o grão, a salsa, as sementes de sésamo, o sumo do limão, o piri-piri e o azeite.
    Provar e temperar com mais um pouco de sal, piri-piri ou sumo de limão se necessário. Se estiver muito empapado juntar um pouco de água tépida ou mais azeite.

    Servir com tostinhas ou pão caseiro.

    Bons petiscanços! ;)

      10 de outubro de 2010

      Pão de Alho

      Tirei esta receita da net para levar para uma festa de anos. Fi-la na máquina de fazer pão mas penso que ficará igualmente boa se for feita numa forma de pão ou bolo inglês e no forno.
      Fiquei contente com o resultado - até porque foi a primeira vez que fiz algo diferente na mfp - e pelo que percebi quem comeu também gostou :) Aprovada!

      Pão de Alho

      • 250 ml de água morna
      • 150 g de margarina Vaqueiro Alho
      • 2 dentes de alho picados
      • 3 colheres de sopa de salsa picada
      • 500 g de Farinha Pão Caseiro Naciona
      Colocar todos os ingredientes, por esta ordem, na cuba da máquina de fazer pão. Programar a máquina no programa Básico, peso 750 g e cor média.
      Quando o programa acabar, retirar o pão para cima de uma rede, para que este possa arejar e arrefecer.

      Bom apetite!

      4 de outubro de 2010

      Legumada com Cous-cous e Seitan

      "Legumada" é aquilo que eu chamo a uma mistura de legumes - uma espécie de ratatouile. Não tenho propriamente uma receita porque costumo fazê-la com os legumes que tiver no frigorífico mas não foge muito ao conjunto cebola-alho-tomate-cenoura-courgette onde às vezes adiciono alho francês, cogumelos ou beringela.
      A minha experiência com seitan, apesar de curta, permitiu-me concluir que o seitan absorve os sabores que lhe pusermos e sem um bom tempero não ficará saboroso. Também concluí que aprecio mais o seitan assim em pedaços do que em "bife", pois fica com uma textura mais agradável.
      O cous-cous é algo que uso bastante como acompanhamento para variar do típico arroz ou massa.
      Aqui servi cada parte em separado mas o cous-cous também fica muito bom se absorver o molho dos legumes.

      Legumada com Cous-cous e Seitan


      • seitan
      • cous-cous (Gosto do da Tipiak. Já experimentei outra marca e não gostei tanto.)
      • alho, cebola e tomate ou apenas molho de tomate
      • cenoura
      • courgette
      • alho francês
      • sal, pimenta e temperos a gosto
      Cous-cous
      Preparar o cous-cous como vem indicado na embalagem (1 medida de cous-cous para 2 de água e um pouco de manteiga). Reservar, mantendo quente.

      Seitan
      Numa frigideira ou wok fritar o seitan em azeite bem quente. Temperar com alho esmagado e molho de soja. Reservar, mantendo quente.

      Legumada
      Se não tiver o molho de tomate já feito, refogar numa frigideira a cebola e o alho em azeite. Juntar o tomate (sem pele nem grainhas) e cozinhar. O tempo aqui é variável, conforme o tempo disponível para fazer a receita ;) mas já se sabe, o molho de tomate quanto mais tempo cozinhar melhor fica.
      Adicionar o alho francês e a cenoura em rodelas finas, e a courgette em rodelas (se for grande cortar as rodelas em metades ou quartos). Temperar com sal, pimenta e temperos a gosto (um pouco de piri-piri fica bem).
      Cozinhar durante 5/10 min, conforme o gosto. Eu não gosto de deixar cozinhar muito tempo senão os legumes ficam desfeitos.

      Quer no seitam como nos legumes, no final pode-se adicionar um pouco de vinho branco para refrescar.

      Servir a legumada com o cous-cous e o seitan.

      Bom apetite! :)