6 de maio de 2017

Coxas de Frango Assadas no Forno Acompanhadas com Batata, Batata Doce e Abóbora

Gostei muito desta receita porque, a partir do momento em que comecei a preparar levou apenas 1h a estar pronta a servir. O truque foi fazer os passos pela ordem certa para aproveitar o tempo o melhor possível.

Outras receitas com coxas e pernas de frango:
http://petiscoholic.blogspot.pt/2016/02/pernas-de-frango-no-forno.html

Coxas de Frango Assadas no Forno Acompanhadas com Batata, Batata Doce e Abóbora


  • Coxas de frango
  • Batata doce
  • Batatas
  • Abóbora
  • Alho
  • Azeite
  • Tomilho
  • Paprika (pimentão doce)
  • Açafrão das índias
  • Sal
  • (Piri-piri)

Colocar o forno a aquecer a 240º C.

Lavar e secar bem as coxas.
Colocá-las num pirex e temperar com azeite, sal, tomilho, louro e pimentão doce (colocar também piri-piri se desejado - eu não pus porque ia alimentar também uma criança :)). Colocar um dente de alho esmagado debaixo de cada coxa.
Levar ao forno (na prateleira de cima) durante 10 min.

Entretanto, descascar as batatas e a abóbora e cortar em pedaços de tamanho médio.
Colocar num tabuleiro forrado com papel vegetal e temperar com sal, azeite
Quando terminarem os 10 min do frango, colocar o tabuleiro com as batatas e a abóbora no forno (na parte inferior) e reduzir a temperatura para 180ºC.

Ao final de 30 min trocar os tabuleiros (colocar o frango em baixo e as batatas em cima) e deixar por mais 10 min a 220º.

Bom apetite!

26 de fevereiro de 2017

Panquecas de banana

Adoro panquecas e a molenguice de fim-de-semana que lhes associo. Há uns anos uns amigos noruegueses deram-me a conhecer esta versão saudável e hoje fiz cá em casa. Tiveram mais sucesso que as outras! E são muito mais saudáveis.


Panquecas de banana
(6 panquecas)

(a foto não é minha, estavam tão boas que nem tiramos foto :D mas ficaram com este aspecto)

Receita adaptada destas duas:
http://www.thewholesomefork.com/2015/09/19/banana-oatmeal-protein-pancakes-gluten-free/
http://simply-delicious-food.com/easy-healthy-banana-oat-pancakes/


  • 1 banana
  • 2 ovos
  • 1/3 chávena flocos de aveia
  • 1/2 c. chá fermento em pó
  • 1 pitada sal
  • canela e noz moscada a gosto

Triturar os flocos de aveia com o fermento, o sal, a canela e a noz moscada.
Num prato fundo, esmagar a banana com um garfo e misturar os ovos. Juntar a mistura da aveia.

Entretanto aquecer uma frigideira em lume médio/baixo.
Colocar um pouco de óleo vegetal (usei manteiga de côco) e colocar 2 c. sopa da mistura em cada panqueca. Virar a panqueca quando o lado de baixo já estiver tostadinho.
Repetir até acabar a mistura.

Notas:
- a banana não precisa ficar muito triturada, até fica bem trincar uns pedacinhos
- esta receita não leva açúcar mas fica bastante doce. Pode acompanhar com mel ou maple syrup mas eu gostei mais sem nada.
- pus mais canela que noz moscada
- também deve ficar bom com gengibre em pó
- costumo usar uma frigideira larga e vou fazendo 3 de cada vez
- a frigideira vai aquecendo após as primeiras panquecas por isso é necessário ir ajustando o lume

12 de abril de 2016

Criadilhas

Em Castelo Branco chamam-lhes criadilhas mas também são conhecidas como túberas ou trufas brancas.

Cá em casa fazem-se com azeite e alho.

São tão boas que nem há foto delas já cozinhadas :)

18 de fevereiro de 2016

Pernas de frango no forno

http://paracozinhar.blogspot.pt/2015/08/tabuleiro-de-frango-no-forno-com-batata.html


Não usei tomate

Acrescentei alecrim à mistura das batatas com a cebola

Ao final dos 45 min o frango estava ainda cru junto ao osso por isso da próxima vez colocarei o forno a 200°C.

O frango ficou suculento por dentro e com a pele crocante. As batatas ficaram saborosas.

A repetir :)


11 de janeiro de 2016

Couratos de bacalhau

Adoro couratos, torresmos e afins. Adoro aproveitar todos os ingredientes possíveis, especialmente de animais. Estes couratos ficaram deliciosos e aproveitaram as peles de um bacalhau. Desta vez ficaram umas "pipocas" pequeninas porque foi uma experiência e descobri que a pele encolhe muito com a fritura.

Couratos de bacalhau




Retirar as peles do bacalhau e limpar quaisquer restos do peixe que tenham ficado agarrados.

Cortar no tamanho desejado e fritar em óleo abundante.

Nota 1: A pele encolhe bastante ao fritar
Nota 2: Cuidado ao colocar no óleo pois salpicam bastante
Nota 3: A pele do bacalhau é bastante pegajosa. Ao fritar, verificar que não se agarrou ao tacho.